fbpx

5 BENEFÍCIOS DE SE PRATICAR ATIVIDADES FÍSICAS DEPOIS DOS 40 ANOS

Tabata Rubbo

Por Tabata Rubbo

atividades físicas


Todo mundo já sabe que é importante praticar atividades físicas em todas as fases da vida, né? Mas você sabia que realmente nunca é tarde para começar? E isso já foi comprovado.

Um estudo apontou que o risco de mortalidade foi reduzido em 35% em pessoas que começaram a praticar exercícios após os 40 anos, índice igual ao de pessoas que praticam desde a adolescência.

Clique e Assine o 40EMAIS e ganhe acesso completo ao conteúdo do Portal, como Workshops e Mentorias, além de muitos descontos em lojas, restaurantes e serviços!

Vou te falar mais alguns dos diversos benefícios de se exercitar nessa fase da vida, pra depois não dizer que não sabia heim?!

– Menor risco de doenças crônico-degenerativas, hipertensão, diabetes, mau colesterol(LDL), osteoporose, câncer…

– Sabia que nessa fase perdemos massa muscular e 3% de massa óssea todo ano? Nas mulheres isso se intensifica na menopausa, quando os hormônios diminuem. Pois é, os exercícios vão atenuar e controlar essa perda.

– Fortalecimento do coração e pulmões.

– Melhora significativa do estresse, depressão, ansiedade, melhora do humor e da interação social.

– Ao longo da vida, também vamos perdendo algumas capacidades físicas importantes, que podem ser treinadas e melhoradas: flexibilidade, equilíbrio, agilidade, coordenação motora entre outras.

O ideal é combinar exercícios aeróbios (que utilizam oxigênio para produzir energia e geralmente são realizados por longo período, intensidade leve a moderada), anaeróbios (utilizam o oxigênio como fonte de energia, sendo o metabolismo realizado no próprio músculo, normalmente são realizados por um período curto em intensidade de moderada a alta).

Exemplos do primeiro: caminhar, dançar, e do segundo: musculação, sprints.Nessa combinação, indico também alongamentos e meditação.

 Se as pessoas realmente levassem a sério a quantidade de benefícios que a vida longe do sedentarismo traz, dariam bem menos desculpas para mudar a rotina. 

Mas, Tabata, eu realmente não tenho tempo, minha vida é uma loucura! Eu sei que vivemos numa época em que tempo é dinheiro, e que estamos sobrecarregadas com tantas responsabilidades. 

Mas, me diga uma coisa: se você adoecer, não vai ter que ter tempo para se tratar? Talvez até mais tempo do que uma vida ativa te exige hoje.

A recomendação da OMS (Organização Mundial da Saúde) é que nessa faixa-etária, inclusive paciente crônicos, idosos ou pessoas com alguma deficiência física, pratiquem de 150 minutos a 300 minutos por semana de atividades de intensidade média a alta –  até 1 hora de exercícios por cinco dias, ou 40 minutos por 7 dias. Segundo a OMS, cerca de 5 milhões de mortes por ano poderiam ser evitadas se a população global fosse mais ativa.

Então, bora começar a mexer o corpictho? Procure seu médico e se ele disser que você está apto para se exercitar, procure um profissional de Educação Física e vai firme!

Que tal algumas dicas de exercícios excelentes para praticar nesta fase da vida?

Zumba: diversão garantida e saúde

Caminhada: apenas 30 minutos diários reduzem o risco de doenças cardíacas, melhora a circulação e reduz os níveis do colesterol ruim.

Yoga: flexibilidade, força, controle da ansiedade, melhora da respiração, bem-estar físico e emocional.

Musculação: tudo mais durinho, tonificação muscular, auto-estima elevada, 40 minutos de 3 a 4 vezes por semana podem fazer milagres com seu corpo e sua mente!

O importante é dar o primeiro passo, depois, ter paciência e constância. Cada pessoa é única e em cada fase da vida, nosso corpo responde de uma forma. Mas uma coisa é certa: sua saúde e qualidade de vida responderão “muito obrigada!!!”.

LEIA TAMBÉM

Tabata Rubbo
0 0 vote
Classifique este artigo
Assine
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Scroll to top
0
Por favor, comente.x
()
x