fbpx

Bariloche

Selma Cabral

Por Selma Cabral

Um lugar lindo, aconchegante e que chamo carinhosamente de lugar fofo!

Bariloche
Finte: barilocheturismo.gob.ar

Com paisagens belíssimas, lagos azuis entre montanhas cobertas de neve e mesmo sem neve a cidade continua linda. E com muitas atividades para preencher todos os seus dias e ninguém vai te julgar caso você leve um tombo ao tentar se equilibrar no esqui pela primeira vez ou se você nem tentar tudo bem também e está tudo certo, o importante é se divertir.

E garanto todo mundo se diverte e brinca como criança na neve!

Gosto muito, dá para fazer tudo a pé, assim já gasta energia para poder saborear sem culpa depois de um dia inteiro de passeios aquele chocolate quente delicioso e muito mais!

Mas vamos conhecer um pouco da História:

Bariloche ou San Carlos de Bariloche, no sul da Argentina, é um destino que há anos permeia o imaginário dos brasileiros. A maioria das pessoas pensa apenas em neve quando imagina o lugar, mas Bariloche oferece muito mais do que isso e, inclusive, é um destino excelente para se visitar no verão.

A simpática Bariloche uma cidade bem diferente com o passar das estações, seu cenário natural muda dependendo da época do ano em que a viagem é realizada, mas é certo que independentemente da época em que viajar, você encontrará paisagens encantadoras, com direito a montanhas arborizadas, lagos de cores lindas, atividades na natureza e boa gastronomia.

A cidade tem cerca de 130 mil habitantes e está às margens do Lago Nahuel Huapi, no fica no norte da Patagônia Argentina, na província de Río Negro. Colonizada por alemães e austríacos, o local tem um relevo acidentado, vários lagos e geralmente temperaturas amenas ao longo do ano.

Documentos para visitar a Argentina:

Bariloche é uma cidade argentina e, portanto, brasileiros que viajam a turismo não necessitam de visto e nem mesmo o passaporte, sendo possível viajar apenas com um RG que permita a fácil identificação de seu portador. Lembre-se, no entanto, que além do passaporte só é possível viajar com o RG, documentos como a CNH não são aceitos para fins de imigração. RG novo em pessoal.

Como chegar a Bariloche:

A cidade está a cerca de 1.600 km de Buenos Aires, capital do país. As cidades estão separadas por voos com duração de cerca de 2h20. As companhias aéreas que operam entre a capital argentina e Bariloche são a Latam e Aerolíneas Argentinas. Atenção: em função da pandemia, os voos podem não estar operando regularmente.

Moeda

A moeda da Argentina é o peso argentino (ARS), mas o dólar e o real também são aceitos no comércio local, o problema é que nem sempre a cotação utilizada no comércio é vantajosa. Você pode levar dólares ou reais do Brasil e na própria cidade realizar o câmbio.

Quando ir a Bariloche?

Os meses de inverno e verão em Bariloche são os mesmos do Brasil, então em dezembro, janeiro e fevereiro você encontrará temperaturas mais altas, enquanto em junho, julho e agosto, poderá ver neve e encontrará dias bem mais gelados.

O que fazer em Bariloche:

1 – Circuito Chico

Esse é o nome do passeio mais conhecido em Bariloche, também chamado de tour panorâmico. O Circuito Chico pode ser feito por conta própria ou com empresas de turismo e nele você percorre cerca de 60 km entre o centro da cidade e o famoso Hotel Llao, construído nos anos 40 (que tive o prazer de conhecer e conto um pouco da sua história no final da matéria).

Ao longo do caminho você irá passando por diversas atrações, podendo parar em algumas delas e apreciar as mais belas paisagens de Bariloche. Uma das paradas do passeio é no Cerro Campanario, importante montanha da cidade e que tem uma vista linda!

2 – Cerro Catedral

bariloche
fonte: barilocheturismo.gov.ar

Principal área para esqui de Bariloche, o Cerro Catedral é uma atração imperdível no inverno! A estação de esqui tem dezenas de pistas para todos os níveis de praticantes de esportes da neve e é diversão garantida para quem está começando a engatinhar no esqui ou para os esportistas mais experientes.
Vale a visita mesmo para quem não pretende esquiar, pois próximo à estação estão várias lojinhas, restaurantes e através dos meios de elevação você também pode subir a montanha e aproveitar a paisagem da região.

3– Cerro Otto

bariloche
fonte: barilocheturismo.gov.ar

O Cerro Otto, assim como seus morros vizinhos, oferece uma paisagem incrível de Bariloche e da natureza da cidade. O diferencial do local é que em seu topo fica a Confeitaria Giratória, que — literalmente — fica girando através de um mecanismo próprio e assim proporciona paisagens diferentes ao longo de uma refeição. Vale a pena fazer uma paradinha por lá, mesmo que seja apenas para tomar uma bebida quentinha.

4 – Cerro Campanário

bariloche
fonte: barilocheturismo.gov.ar

Esse morro está localizado às margens do lago Nahuel Huapi e tem altura de 1.049 metros. O acesso até o alto da montanha é feito através de um pequeno trajeto de teleférico e a vista lá de cima é linda – algumas pessoas, inclusive, elegem o lugar como o que oferece as mais belas paisagens da região. A dica é subir bem agasalhado, porque no inverno o frio lá em cima é cortante e aproveitar para tirar lindas fotos!

5 –Piedras Blancas

Piedras Blancas é uma estação que diferente de outros centros em Bariloche não é voltada apenas para esqui ou snowboard e sim para atividades mais “simples”, mas com emoção, como o esquibunda ou descida em trenó. É uma ótima opção para um passeio mais leve, para quer brincar em família ou fazer um boneco de neve! Ele é ideal para quem está com crianças, já que o lugar é superdivertido. A vista na parte alta do centro é linda e se você quiser, pode aproveitar também uma parte do complexo para fazer aulas de esqui e se iniciar no esporte.
Piedras Blancas fica próximo ao centro da cidade Bariloche e pode ser conhecido com um trajeto de táxi!

6 –Ilha Victoria e Bosque de Arrayanes

Atividade bem tradicional em Bariloche, ela tem duração de meio dia e consiste em um passeio de barco pelo Lago Nahuel Huapi que leva à Ilha Victoria e Bosque de Arrayanes. A Ilha Victoria está situada próxima da cidade de Villa la Angostura e tem um bonito visual panorâmico da região enquanto o Bosque de Arrayanes permitirá conhecer melhor a flora patagônica, com árvores que têm troncos de uma cor canela, tornando o visual maravilhoso! O passeio pode ser feito todo ano e tem pequenas caminhadas que permitirão conhecer os cenários da região.

7 – Admirar a paisagem do lago Nahuel Huapi

bariloche
fonte: barilocheturismo.gob.ar

O passeio é simples e até trivial, mas que tem seu valor e às vezes uma viagem precisa de um momento mais relaxante, dedicado a apreciar a paisagem. Bariloche está situada às margens desse lago de águas azuis e aos pés da Cordilheira dos Andes; o cenário natural é lindo e vale super a pena observar a cadeia rochosa, muitas vezes com neve no topo. Posso afirmar que é belíssimo!

8 – Villa La Angostura

A pequena Villa La Angostura é uma cidade vizinha de Bariloche, localizada a cerca de 80 km de distância e oferece um turismo mais original. É uma cidade pequena, com restaurantes charmosos e uma paisagem incrível. Nela fica o Cerro Bayo, uma estação de esqui bem estruturada e que também não deixa a desejar quando a vontade é apreciar paisagens bonitas ou simplesmente praticar esportes na neve. É possível conhecer Villa La Angustura de ônibus, de carro ou com agências especializadas.

9 – Puerto Blest e Cascata Los Cántaros

Ele é um dos passeios lacustres que Bariloche oferece e que vai até a região de Puerto Blest, navegando pelo lago Nahuel Huapi. O passeio faz uma parada para caminhada para admirar a Cascata Los Cántaros, que está cercada por uma vegetação exuberante e segue até Puerto Blest, onde há um mirante para a Baía do Rio Frías. O caminho ao longo da embarcação é muito bonito e permite admirar verdadeiramente essa paisagem da Patagônia, que reúne lagos muito bonitos, montanhas, animais silvestres e florestas.

10 – Passear pelo centrinho de Bariloche

Bariloche
fonte: barilocheturismo.gob.ar

Eu simplesmente amo e vale reservar um tempo de sua viagem para conhecer o Centro de Bariloche, andar pelas lojas da Rua Mitre, principal rua da cidade, comprar chocolates em uma de suas várias lojinhas de chocolate produzidos na cidade, fazer uma parada para admirar o Lago Nahuel Huapi, tirar fotos no Centro Cívico e visitar o Museu da Patagônia. A cidade pode ser facilmente conhecida a pé e é muito fofa!

11 – Museu do Chocolate

Bariloche
fonte: barilocheturismo.gob.ar

Pertencente à fábrica Havanna, o museu oferece um passeio onde os visitantes podem descobrir sobre o processo de fabricação de seus produtos e a história do chocolate. A marca, que já é conhecida no Brasil e possui filiais em várias cidades brasileiras, é de origem argentina e através da visita guiada no local permite entender como o chocolate se tornou um dos alimentos mais consumidos no mundo!

12 – Comprar, comer e se deliciar com os chocolates

Não dá para deixar Bariloche sem conhecer suas lojas de chocolates ou parar durante a tarde para tomar um chocolate quente. Elas estão por todos os lados e são várias marcas diferentes! Na dúvida, melhor experimentar um pouquinho de cada um e depois escolher o seu preferido! Acho todos deliciosos.

13 – Visitar o Cerro Tronador

bariloche
fonte: barilocheturismo.gov.ar

Localizado entre Argentina e Chile, o passeio ao Cerro Tronador, que é também um vulcão, é mais uma das atividades de contemplação oferecidas na cidade e que permite conhecer as belezas da região e suas montanhas. O nome do Cerro Tronador se deve ao fato dos frequentes deslizes de gelo em suas geleiras, que provocam altos ruídos. Esse passeio geralmente faz parada em alguns mirantes, também permite conhecer um pouco da pampa argentina e de geleiras, como a de Ventisquero Negro, indo até a base da montanha, que é uma das mais altas da Cordilheira dos Andes.

14 – Ir a San Martín de Los Andes

A pequena San Martín é uma cidade localizada a cerca de 190 km de Bariloche, tem em torno de 30 mil habitantes e pode complementar sua viagem oferecendo as paisagens naturais de uma charmosa e pequenina cidade patagônica. San Martín de Los Andes está às margens do Lago Lácar, tem lindas montanhas, abriga o Parque Nacional Lanin, boa dica para quem deseja praticar caminhadas e trekking e t também tem Cerro Chapelco, onde funciona uma estação de esqui.

15 – Fazer um passeio noturno

Bariloche tem alguns passeios noturnos bem interessantes, que podem oferecer uma atividade diferente e divertida. Um passeio noturno tradicional é o Noche Nordica, que dura aproximadamente 3 horas e permite ao visitante pilotar na neve o seu próprio quadriciclo e depois fazer um jantar. Outra opção parecida é o passeio El Refugio, en Arelauquen, em que a atividade é feita pilotando sua própria moto de neve seguido de um jantar.

Por último, mas não menos importante, outra opção bem procurada entre as atividades noturnas é o La Cueva, feito no Cerro Catedral, em um refúgio no meio da montanha, que pode ser acessado através de um circuito de quadriciclo ou moto de neve.

16 – Caiaque, rafting e cavalgadas – fazer atividades ao ar livre no lago ou na natureza

bariloche
fonte: llaollao.com/

Bariloche é uma cidade integrada à natureza e por isso a cidade também oferece atividades ao ar livre, entre elas um gostoso passeio de caiaque, um passeio de veleiro no Lago Nahuel Huapi, um circuito de rafting no Rio Manso ou ainda uma excursão a cavalo. As possibilidades de passeios em Bariloche são inúmeras, basta escolher aquela que mais agrada a você.

17 – Fazer o Cruce Andino – travessia entre Argentina e Chile

A travessia dos Lagos Andinos entre Bariloche e Puerto Varas é um dos passeios mais incríveis dessa região. Esse é um assunto que volta e meia gera dúvidas entre os turistas e que muita gente busca informações. O Cruce Andino é um trajeto entre Bariloche (Argentina) e Puerto Varas (Chile) ou o caminho inverso, passando por 7 lagos ao longo do percurso.

O percurso é lindo, tem paisagens de tirar o fôlego, lagos com colorações diferentes, paisagens espetaculares com vulcões e a Cordilheira dos Andes, além da vegetação típica da Patagônia. Mais do que um simples passeio, essa atividade é uma viagem. Ela dura um dia inteiro e é cansativa, mas extremamente compensadora. O trajeto leva em torno de 12 horas e tem a opção de ser feito em um dia inteiro ou em dois dias, com pernoite na cidade chilena de Peulla. Se você já pretende visitar o Chile na mesma viagem de Bariloche, considere fazer o Cruce Andino. Nessa página deixamos muito mais detalhes sobre a viagem que fizemos e você verá muitas outras dicas para se preparar para o Cruce Andino.

Dicas de Bariloche:

Quero esquiar pela primeira vez, como funciona?

Bem, as estações de esqui possuem pistas para todos os níveis de esquiadores, desde os iniciantes aos mais experientes. Obviamente, se você nunca praticou o esporte e pretende aprender, o ideal é começar do começo, onde estão as pistas mais fáceis (menores e menos inclinadas). Ali você poderá aprender como se posicionar com o equipamento, como frear, fazer pequenas mudanças de direção etc. Para facilitar ainda mais o aprendizado, sugerimos participar de ao menos uma aula com um professor e você conseguirá aprender os movimentos corretamente e posteriormente praticá-los sozinho. As grandes estações de esqui possuem aulas em grupo e particulares.

Outra informação que vem a calhar é saber que as estações, não só em Bariloche como ao redor do mundo, costumam cobrar valores de acordo com a quantidade de dias que você pretende praticar esportes. Nesse valor não está incluso o equipamento, que deve ser alugado à parte. Comprar equipamentos para praticar esportes de neve só é vantagem se você pretende utilizá-los com frequência. Como são caros, recomendamos inicialmente apenas alugá-los mesmo. Escolher o equipamento adequado é essencial para esquiar ou praticar snowboard, por isso opte por alugá-lo em um estabelecimento que tenha materiais novos e ofereça bastante variedade de tamanhos.

Quanto às roupas, o ideal é utilizar calças e casacos impermeáveis, que permitirão ter contato com a neve sem que suas roupas se molhem. Por dentro das roupas de esqui você pode usar uma segunda pele, para manter o corpo aquecido. Com relação às luvas e outros materiais que ficam suados e têm contato direto com o corpo, como os gorros, o ideal é que sejam seus mesmos.

Transportes em Bariloche:

Alugar um carro pode ser uma ótima alternativa para quem deseja se locomover por Bariloche com facilidade e para não se limitar a cidade em si e conhecer outras atrações da região e cidades vizinhas como San Martín de Los Andes e Villa La Angostura. Para quem se hospeda afastado do centro, principalmente, é bastante vantajoso ter um carro já que dessa forma você não ficará dependente de outras formas de transporte, como o táxi.

Quem se hospeda no centro, consegue fazer atividades a pé, mas os passeios geralmente são afastados da região central e exige um transporte extra, como os carros alugados ou os veículos que realizam passeios ou fechar os passeios com Agências de viagem especializadas e com receptivo no local. Eu fechei a viagem dessa forma e foi superconfortável, não precisei me preocupar com nada.

Agora vamos a história do Llao Hotel Resort Golf Spa Patagonia Argentina.

Desde 1938

Em 1934 a Patagônia e a região andina estavam despovoadas e virgens. Esse ano, com a criação do Parque Nacional Nahuel Huapi, decidiu-se construir um hotel internacional para desenvolver o potencial turístico da zona, como assim também criar povoações e comunicações.

O arquiteto Alejandro Bustillo elegeu a área do Porto Pañuelo para construir o Hotel, já que ainda de sua magnificência e beleza paisagística, contava com porto. Foi inaugurado o 9 de janeiro de 1938, construído em estilo canadense com troncos de cipreste a vista e teto de telhas de larício. O 26 de outubro de 1939 um incêndio destruiu totalmente o edifício, inaugurando se de novo o 15 de dezembro de 1940. Desde então atraiu a membros da aristocracia e do mundo oficial e diplomático além de outros hóspedes ilustres, até que em 1978 fechou durante 15 anos mantendo seu espírito intato.

O Hotel voltou a abrir suas portas em julho de 1993 como Llao Llao & Resort, Golf – Spa. Em dezembro de 2007, foi inaugurada o Ala Moreno, emprazada num lugar estratégico com impactantes vistas ao lago Moreno e do cerro Tronador. A mesma conta com 43 novos quartos: Studios e Suítes de Luxo, duas Suítes Master e uma Suíte Royal.

Hotel 5 estrelas em Bariloche: O Resort mais exclusivo da Patagônia Argentina

Emoldurado pelos picos dos cerros López e Tronador e os lagos Moreno e Nahuel Huapi.

bariloche
fonte: llaollao.com
bariloche
fonte: llaollao.com

 

O Hotel conta com um grande parque de 15 hectares integrando o campo de golfe de 18 buracos, marina, praia, solário, piscina climatizada interna e externa de infinita, SPA e Health Clube com sauna, Fitness Center e outras atividades recreativas. No desenho interior se utilizaram materiais originais tais como a madeira de cipreste e pinheiro hemlock, trabalhados em tábuas em estilo rústico.

O Hotel conta com duas alas: Ala Bustillo e Ala Moreno. A primeira possui 162 quartos dos quais 11 são Studio e 12 são Suítes com vista para os lagos Moreno, Nahuel Huapi e Cerro López.

bariloche
Ala Bustillo | fonte: llaollao.com
bariloche
Ala Moreno | fonte: llaollao.com

A Ala Moreno dispõe de 43 apartamentos Studio e Suítes de Luxo: 23 Studios Lago Moreno de Luxo, 17 Suítes Lago Moreno de Luxo, 2 Master Suítes Lago Moreno e 1 Suíte Royal Lago Moreno de Luxo.

O Llao Llao possui quatro restaurantes, para os hospedes desfrutarem das mais variadas propostas gastronômicas, desde a nossa cozinha internacional a típica e local, assim como o nosso afamado Chá Llao Llao emoldurado numa espetacular vista dos jardins do Hotel e do Lago Nahuel Huapi.

Bariloche
Piscina| fonte: llaollao.com

Atenção: devido à pandemia da Covid-19 os brasileiros estão impedidos de entrar na Argentina por enquanto. Estamos torcendo para que o avanço das vacinas permita que os turistas possam voltar a Bariloche o quanto antes.

Boa semana e até a próxima!!

Fonte: www.llaollao.com

Fonte: https://www.melhoresdestinos.com.br

LEIA TAMBÉM
Selma Cabral
Últimos posts por Selma Cabral (exibir todos)
5 1 vote
Classifique este artigo
Assine
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Scroll to top
0
Eu quero saber a sua opinião. Comenta aqui em baixo e vamos discutir esse assunto!!x
()
x