Outubro Rosa e Atividades Físicas

atividades físicas

Olá queridos leitores! Nosso assunto da vez é de extrema importância para saúde feminina e tem tudo a ver com o lindo site do 40eMais!!!

Vamos falar um pouco sobre a relação do câncer de mama e os exercícios físicos.

Pensando de uma forma generalizada, podemos dizer que os exercícios físicos previnem, em todos os aspectos, qualquer que sejam as alterações fisiológicas que possam desenvolver doenças. Melhoram a imunidade, controlam ansiedade e muito ajudam em disfunções emocionais que tendem a atrapalhar o bom funcionamento do organismo.

Tratando-se especificamente dos cânceres, que têm como característica a “proliferação de células ruins ou doentes”, podemos dizer que os exercícios, justamente por ajudarem no processo de melhora do sistema imune, acabam prevenindo essas doenças e várias outras.

Aí você pode me perguntar: mas e as pessoas que praticam atividades físicas, têm uma boa qualidade de vida e desenvolvem algum tipo de câncer, como se explica isso?

Exercícios físicos previnem, sim, mas não excluem a possibilidade de uma pessoa desenvolver a doença, até porque essa doença está intimamente ligada à genética familiar e também aos estresses que o mundo atual nos impõe.

E especificamente o câncer de mama, que é o foco da nossa pauta?

A mama é, culturalmente, um símbolo de feminilidade! Mas não é só! Nela situam-se gânglios, músculos, ductos, gordura, entre tantas outras estruturas que a formam. Hoje, o câncer de mama é o mais comum entre as mulheres, mas também o de maior sucesso de tratamento, seja ele químico ou de intervenção cirúrgica. 

Mas qual a relação do exercício com tudo isso?

A atividade física é importante para prevenção, sim, mas no pós-tratamento também é! Após a liberação do médico, é importante que a mulher volte a se sentir bem, a reestruturar seu corpo, a produzir endorfinas e outros tantos hormônios que vão auxiliar na recuperação do bem-estar, da autoestima e da qualidade de vida! 

Existem limitações? Sim, algumas. Mas todas com adaptações podem ser feitas e o exercício será um belo convite à trazer dias melhores depois de um período duro e difícil na vida de qualquer mulher!

Se você tem alguma dúvida se deve praticar atividade física depois de um tratamento contra um câncer de mama peça a liberação do seu médico e comece, sempre com a orientação de bons profissionais. Posso garantir: sua vida vai mudar, e muito!

Thais Medeiros
Últimos posts por Thais Medeiros (exibir todos)
5 1 vote
Classifique este artigo
Assine
Notificar de
guest
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários
Scroll to top
0
Por favor, comente.x
()
x